Últimos Conteúdos

Manutenção de Computador – 10 dicas para profissionais

Essas dicas são muito boas para nos chamar a atenção para possíveis lapsos de memória ou comportamento que podem comprometer as nossas carreiras. Portanto, vamos ler com atenção e tentar aplicar e não esquece-las, pois elas podem nos livrar de problemas sérios.

Alguns erros são quase uma garantida de resultar em problemas que podem custar-lhe clientes. 

Certifique-se de não ser vítima desses erros…

1- Não Realize Upgrades Cegamente

Quantas vezes você atualizou para o SP3 do Windows XP (incluindo o IE8) e somente depois descobriu (post mortem) de que algo na atualização destruiu alguma característica ou funcionalidade que os seus clientes precisam para fazer seu trabalho? Eu já vi isso muitas vezes. O Internet Explorer 8 é notório por apresentar estes tipos de incompatibilidades, e desta forma, paginas e sistemas que antes funcionavam corretamente, simplesmente param de funcionar.
Portanto, Antes de executar um upgrade, procure saber quais os programas e paginas atualmente utilizados são críticos para o seu cliente, e procure confirmar se eles possuem alguma incompatibilidade com o IE8 ou algum componente do Upgrade que será aplicado. Geralmente, quando isso acontece, os desenvolvedores dos programas podem ter disponível alguma atualização ou patch para solucionar os possíveis problemas.

2- Nunca Edite Arquivos De Configuração, Sem Primeiro Fazer Um Backup

A situação pode ficar muito complicada quando fazemos coisas como migração de servidores Linux de uma máquina para outra, portanto:
  • Certifique-se de fazer sempre uma cópia de segurança de tudo o que esta funcionando atualmente.
  • Não misture esses arquivos e nem seus nomes.
  • Adquira o hábito de copiar e renomear arquivos de configuração de backup para que você saiba exatamente onde o arquivo de backup está e principalmente,
  • Controle as datas em que estes arquivos foram salvos para que assim, você possa controlar com segurança o que pode acontecer com o sistema em que esta trabalhando.
Essa dica se aplica a todos as possíveis intervenções que possam ser realizadas, seja em servidores ou em estações de trabalho, seja com Linux, Windows, Mac e etc…

3- Não Esqueça De Ligar O Firewall Novamente

Existem muitas situações onde você pode precisar desligar o Firewall do sistema, pode ser que precise desbloquear o acesso a alguma pagina ou endereço de rede, ou algum programa que você utiliza pode estar sendo barrado. De uma forma ou de outra, seja qual for a situação, Você não pode nunca se esquecer de ligar o Firewall novamente. E isso se aplica também ao Anti-vírus e outros programas de proteção do computador. Todos nós sabemos que existem algumas ocorrências onde teremos que desativar esses programas para conseguir realizar algum acesso ou executar alguma ferramenta útil. Porém, esquecer de reativar qualquer ferramenta de segurança do computador, logo após realizar a tarefa desejada é burrice e pode ser fatal.

4- Não Se Esqueça De Documentar Tudo Sempre

Quantos clientes você tem? Se esse número for superior a 0(zero), você precisa manter uma documentação sobre esses clientes, contendo detalhes sobre seus equipamentos, endereços de rede, nomes de máquinas e funções, e-mails e outros contatos, etc… Quanto mais informações, melhor. Se for possível, mantenha também um registro de senhas e controles de acesso, a menos que prefira manter esta responsabilidade apenas com os seus clientes. É claro que esta questão de senhas pode ser amplamente discutida, já que, é preciso existir uma relação de confiança muito estreita entre o técnico e os clientes, além de uma forte consciência de ética profissional e segurança por parte da empresa e do profissional contratados, ou seja, Você. Além disso, quero ressaltar um fator muito importante sobre a documentação dos dados de clientes e atendimentos – Manter tudo documentado, principalmente os atendimentos realizados, pode te ajudar muito facilitando o trabalho e também salva-guardar o profissional e o cliente contra possíveis enganos ou esquecimentos.

5- Não Faça Nada Sem A Permissão Do Cliente

Não importa no que esteja trabalhando, nunca se esqueça de certificar-se de que o cliente permitiu a realização do trabalho. Pense nisso desta forma .:

Qualquer trabalho realizado sem a devida permissão do cliente pode se transformar facilmente em um trabalho pelo qual você não vai ficar pago.

Ou pior, você pode realizar uma tarefa (sem permissão) que pode causar perda de dados, o que pode levar a problemas maiores, e neste caso, consequências piores ainda. Por isso, entenda que, para conseguir esta permissão para realizar qualquer manutenção, você deve primeiramente diagnosticar o problema com a maior precisão possível, esclarecer muito bem qual é o problema e o que será realizado para soluciona-lo, quais as possíveis consequências e riscos deste trabalho, quanto tempo este procedimento pode exigir e qual será o valor do serviço. Neste ponto, informe todos esses dados ao seu cliente e aplique a dica do item anterior, documentando todas essas características e, de preferencia, garanta a permissão do cliente por escrito, ou seja, logo após explicar toda a situação, faça um laudo e um relatório do atendimento que deverá ser posteriormente Assinado pelo cliente!!!

6- Não Experimente Em Máquinas Clientes

Todos os profissionais de informática precisam estar sempre atualizados com as novidades do mercado. Principalmente os técnicos, pois sempre aparecem novas ferramentas que podem resolver os mais variados problemas e defeitos. São centenas de programas de segurança, recuperadores de arquivos deletados, antivírus, navegadores, plug-ins e muitos outros “brinquedos” dos quais devemos nos manter atualizados. Mas, por maior que seja a tentação, Nunca use uma ferramenta, por mais promissora que ela possa parecer, a menos que já tenha bastante experiência com ela. Programas e ferramentas novas, as quais você ainda não conhece a fundo, podem reservar surpresas desagradáveis tanto para o técnico quanto para o cliente. Nunca  teste novas soluções fora da sua bancada. Nunca tente um recurso a menos que tenha 110% de certeza de que ele vai realmente corrigir ou ajudar na situação para a qual está prestes a utiliza-lo. Por outro lado, se você não tiver outra opção, e de fato precise utilizar algo novo, nunca o faça sem ter pelo menos 110% de certeza de que possui um backup do sistema, e este backup poderá ser utilizado de forma segura para desfazer qualquer eventual problema causado pela ferramenta nova.

7- Não Se Aprende No Cliente

Esta Dica esta diretamente relacionada com a dica anterior. Apesar do que os usuários e clientes normalmente imaginam, nós os técnicos não conhecemos absolutamente Tudo sobre informática. Por mais vasta que seja a experiência de um profissional, ele sempre estará em constante aprendizado. Existem novas tecnologias surgindo a cada instante, porém, não é possível conhecer tudo mesmo sobre produtos já estabelecidos e em uso a muito tempo no mercado. Um técnico de manutenção não tem que ser necessariamente um expert em desenvolvimento de sistemas e vice-e-versa. Quando você se deparar com algo que não conhece, não tente aprender mais sobre isto no cliente. Estes clientes não estão te pagando para aprender, eles estão pagando para você corrigir o problema. Se você não conhece nada sobre o assunto e tem que pesquisar sobre isso, esclareça isso ao cliente e diga que terá de se informar sobre o assunto e voltará quando estiver pronto para solucionar o problema. Se o cliente permitir ou solicitar que você realize esta pesquisa naquele momento mesmo, então certifique-se que ele esteja plenamente ciente de que o que está pedindo está fora do alcance do seu conhecimento. É sempre melhor ser honesto do que tentar encontrar atalhos para sair de uma situação como essa.

8- Não Use “Adicionar / Remover Programas” Para Desinstalar Antivírus

Você provavelmente já sabe que Não É Boa Idéia Utilizar Mais De Um Antivírus Ao Mesmo Tempo. Mas, infelizmente a idéia de possuir dois ou mais antivírus em um computador parece encantar alguns usuários, e também alguns “técnicos” que por vários motivos, acreditam que isso pode mante-los mais seguros. Isso não passa de uma Falsa ilusão… Portanto, Quando você encontrar um computador nesta situação, e precisar remover os vários programas antivírus que estejam instalados nele, nunca use o removedor de programas padrão do Windows para esta realizar tarefa. Se você usar a ferramenta “Adicionar / Remover Programas” do Windows, o antivírus irá deixar traços que podem causar problemas para outras ferramentas. Então, para fazer um trabalho seguro, execute a ferramenta de remoção oficial de cada antivírus para remove-los. Uma ferramenta muito útil para casos como esse é o AppRemover, que foi desenvolvido especificamente para este propósito, remover ferramentas de segurança e Antivírus. O programa é gratuito e muito eficiente.

9- Saiba Onde Esta Pisando

A menos que esteja visitando um cliente novo, uma das coisas mais antiprofissionais que você pode fazer é ir para um atendimento sem saber o que realmente está acontecendo. Se algum colega de profissão está prestes a lhe repassar um cliente, certifique-se de obter com este colega todas as informações possíveis relacionadas ao cliente, tais como, quadro de equipamentos, topologia da rede, todos os pontos de informações e contatos, além de quaisquer informações especiais sobre as instalações, os usuários e sistemas que o seu novo cliente possui. Para que isso funcione, antes de mais nada, certifique-se de que o seu colega também tenha lido este artigo e aplicado essas dicas, PRINCIPALMENTE a dica número “4”.

10- Não Deixe O Local Sem Ter Certeza De Que Tudo Funciona

Você pode pensar que resolveu tudo, e que tudo funciona a partir de sua perspectiva. Mas isso não é suficiente. Sente-se com o seu cliente e certifique-se de que as coisas realmente funcionam e, de acordo com a perspectiva Do Cliente, todos os problemas foram resolvidos e o computador esta funcionando plenamente. Afinal, é o Cliente que têm que usar o computador. Se a máquina não esta funcionando de acordo com suas expectativas e necessidades, o seu trabalho não valeu nada.

Conclusão: O que Mais Pode Dar Errado ?

A última coisa que queremos é cometer algum dos erros citados acima ou qualquer outro. Mas, é totalmente impossível prever e se prevenir contra todas as possibilidades de erros. O que devemos fazer então é seguir a principal dica sobre isso que é Manter Sempre A Atenção !!!
Os inúmeros erros possíveis somente podem ocorrer devido a um único fator que é unanime em todos os casos, a Falta de Atenção. O ditado é antigo mas verdadeiro .:

“Errar é Humano, Burrice é Permanecer no Erro !”

Portanto, tenha sempre em mente que somos todos suscetíveis a erros e devemos nos manter preparados para resolve-los e arcar com as suas  consequências. Deixem seus cometários.

2 comentários:

  1. Estou começando na área de manutenção de micros e essas dicas irão me ajudar.
    vlw

    ResponderExcluir
  2. Essas são as melhores dicas que já recebi sem dúvidas
    Valeu

    ResponderExcluir